Por cá...

Por cá, na minha casa as coisas ficaram bem entregues.
O meu genro (este rapaz é incansável) tratou dos cães, o meu primo das plantas.
As minhas alfaces estão´... ui ... enormes.
Qualquer dia já as apanho.
A minha filha e genro (compadres do Aranha) alimentaram-no.
(Então não é que o meu filho, o Aranha teve férias?)
E lá veio para o arraial dos Lameiros, em São Vicente.
Mãe e pai fora, rapaz em casa sozinho, encostou-se aos compadres para o jantar.
Ah, e minha tia ficou sob a alçada da vizinha.
Obrigada a todos pela colaboração.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Tabaibos ou figos da Índia

Um estado de alma

Usar óculos é um adereço e não uma necessidade