Pulgas, Pulgas, Pulgas. Para qualquer lado que me vire encontro sempre uma. É à frente, é atrás, é em todo o lado, mas no colo é onde poisam. Perseguem-me. Fujo, escondo-me, mas encontram-me. São pequeninas e saltitam muito, dificilmente as agarro porque não param um minuto. Não há no mundo pulgas como estas, porque são: "As minhas Pulgas".

terça-feira, 9 de fevereiro de 2016

Poncha da Madeira

Seja ela Regional, de Maracujá, de Hortelã, Tomate Inglês ou Laranja mais que duas dá piela. Mas o amendoim enxuga...
Por isso consumir com moderação. Eu tomei duas: uma de tomate inglês e uma de Hortelã, não sei, mas estou a modos que constipada e a hortelã faz milagres. Não sei é o aguardente!...

5 comentários:

  1. Respostas
    1. Ver dá "zonzisse"!? Não creio! É que hoje a cidade estava cheia de barracas de pon chá. Só por isso estou zonza!
      Kis:=)

      Eliminar
  2. Eu ía à poncha quando tinha dores de dentes. Passavam logo.

    ResponderEliminar

Como? O que disse?
Não ouvi nada.
É melhor escrever...