Pulgas, Pulgas, Pulgas. Para qualquer lado que me vire encontro sempre uma. É à frente, é atrás, é em todo o lado, mas no colo é onde poisam. Perseguem-me. Fujo, escondo-me, mas encontram-me. São pequeninas e saltitam muito, dificilmente as agarro porque não param um minuto. Não há no mundo pulgas como estas, porque são: "As minhas Pulgas".

domingo, 7 de fevereiro de 2010

Depois...

...De um dia de sol, manga curta e roupa no estendal a secar a chuva regressou.
E a roupa continua no estendal a ...molhar, a manga voltou a tapar o braço, o sol sem aparecer e litros de água a cair do céu.
(E o meu genro dizia ontem que não viria mais chuva! Que boletim meteorológico leste? O do Brasil?)

5 comentários:

  1. Sou fan deste site:
    http://www.windguru.com/pt/index.php?sc=54

    ResponderEliminar
  2. Pois, eu conheço, mas ele disse me que não ia chover mais embora eu olhasse para o céu e o visse carregado de nuvens. Mas ele disse eu acreditei . Devemos acreditar nos jovens.lol

    ResponderEliminar
  3. Por aqui também chove e faz muito frio mas apanhei a roupa a tempo:)

    ResponderEliminar
  4. Ele disse que não chovia mais...ontem. Que lá hoje choveu e bastante!

    ResponderEliminar
  5. Este tempo, não pode ver ninguém a comtemplar o sol, que bem logo a chuva. E eu ontem a pensar que era a primavera a chegar lool
    bjocas

    Agora para menina Noris vais levar nas "orelhitas", nunca tinhas dito aquele site, vou levar para o Bruno kkk
    bjocas

    ResponderEliminar

Como? O que disse?
Não ouvi nada.
É melhor escrever...