Pulgas, Pulgas, Pulgas. Para qualquer lado que me vire encontro sempre uma. É à frente, é atrás, é em todo o lado, mas no colo é onde poisam. Perseguem-me. Fujo, escondo-me, mas encontram-me. São pequeninas e saltitam muito, dificilmente as agarro porque não param um minuto. Não há no mundo pulgas como estas, porque são: "As minhas Pulgas".

sexta-feira, 16 de janeiro de 2015

As bolas do Ronaldo já não são da Irina. Aquele grito disse tudo

O grito do Ronaldo no final da gala era de satisfação, maizómenos assim: "Chiiiiiiiiiiiiiiiça, que acabou". Em código para a mãe.
Afinal chegou ao fim o romance entre o madeirense e a russa. Dolores deve estar a esfregar as mãos de contente.

5 comentários:

  1. Estou ansiosa para saber quem é a próxima ....

    ResponderEliminar
  2. o marketing deve já estar a preparar a próxima "nora" de dona Dolores!

    ResponderEliminar
  3. Agora que as bolas dele são públicas (na estátua), a russa não gostou. É lambona, queria as bolas do Ronaldo só para ela. xD

    ResponderEliminar
  4. Ahahahahah mais que explicado a reação dele então!

    ResponderEliminar

Como? O que disse?
Não ouvi nada.
É melhor escrever...