Pulgas, Pulgas, Pulgas. Para qualquer lado que me vire encontro sempre uma. É à frente, é atrás, é em todo o lado, mas no colo é onde poisam. Perseguem-me. Fujo, escondo-me, mas encontram-me. São pequeninas e saltitam muito, dificilmente as agarro porque não param um minuto. Não há no mundo pulgas como estas, porque são: "As minhas Pulgas".

segunda-feira, 30 de novembro de 2015

Beber ou não beber leite eis a questão

É tanta a contradição que se ouve, é tal a dúvida que se instala que, digo de verdade, eu já não sei em que acreditar.
Chegou a vez do leite. Se por um lado haja quem diga que o leite é um condicionante a ter bons ossos por outro há quem afirme que é desnecessário nos adultos.
Segundo a minha médica os nórdicos bebem leite desde que nascem até que morrem e, por isso, são altos e espadaúdos, e aconselha a beber leite. Depois li que é um alimentos substituível e, como disse, desnecessário.
Uma pessoa até fica sem saber o que fazer para poder viver mais uns aninhos rija que nem um pêro e consciente, com ossos fortes para segurar toda a estrutura do corpo.
E fica a pergunta: afinal, devemos ou não beber leite?

9 comentários:

  1. Avo Gi, acho que esta historia do leite tem haver com a historia do bom senso, tudo que se usa em demasia não é bom, mas se usado com moderação não ha mal nenhum, minha vó morreu com 89 anos, e tomava a sua xicara de leite todo santo dia, eu por outro lado não sou fã de leite, mas uma apaixonada por iogurtes o que substitui com louvor, pois faço acompanhamento nutricional, e minha nutricionista tratou logo de incluir os derivados de leite ja que eu não consumia o proprio todos os dias, e claro me indicou também os alimentos que são capazes de substituir o mesmo com os mesmos efeito. Acho que o segredo esta em saber o quanto de leite tomar! bjucas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo contigo e faço exactamente isso. Não podemos seguir só uma linha de pensamento, há que olhar para outras formas de pensar. É o que faço. Nem tanto ao mar nem tanto à serra.
      Kis :=)

      Eliminar
  2. Eu não bebo leite de vaca há anos. Fazia mal a digestão e decidi parar. Bebo substitutos e dou-me muito bem com eles. Mas o pai e as filhas bebem leite de vaca.

    ResponderEliminar
  3. Como há opiniões contraditórias eu fico pela que mais me agrada, ou seja ,bebo leite.
    Bj.
    D..

    ResponderEliminar
  4. Eu não gosto e há outros alimentos com cálcio, mas também já ouvi uma médica disser que o leite tem o cálcio que é melhor absorvido pelo nosso organismo...

    ResponderEliminar
  5. Claro que as pessoas ficam confusas, tão depressa dizem uma coisa como a seguir dizer outra!

    r: Oh, obrigada *.*
    Beijinhos*

    ResponderEliminar
  6. Eu gosto imenso de leite e bebo duas canecas (baldes:)) por dia. Uma, quando me levanto e como me sabe tão bem e outra por volta das 9h no pequeno almoço. E volto a beber à noite antes de me deitar, mas conforme o que jantei para não fazer misturadas:)

    Quem não gosta de leite não o deve beber, pois terá o efeito contrário, quer para adultos, quer para crianças.Mas detesto iogurtes.
    As minhas filhas bem cedo deixaram de beber leite, mas gostavam e gostam de iogurtes de toda a espécie. Dos quatro netos só a mais nova é que saiu à avó...gosta de leite, os outros já não bebem e são como as mães em termos de iogurtes:)

    Pode-se consumir de tudo e de tudo um pouco com o valor acrescido de saber se lhe caí bem e ou se gosta:)

    Beijocas e agora vou dormir

    ResponderEliminar
  7. Bebi leite toda a vida...
    Mas, nos últimos 3 anos deixei de beber.
    E passei a sentir-me melhor.
    Tomo o de soja.

    ResponderEliminar
  8. Uma questão que não se pões para mim - sou intolerante à lactose.
    Nada de leite, iogurtes e outros que tais.
    Beijinhos

    ResponderEliminar

Como? O que disse?
Não ouvi nada.
É melhor escrever...