Pulgas, Pulgas, Pulgas. Para qualquer lado que me vire encontro sempre uma. É à frente, é atrás, é em todo o lado, mas no colo é onde poisam. Perseguem-me. Fujo, escondo-me, mas encontram-me. São pequeninas e saltitam muito, dificilmente as agarro porque não param um minuto. Não há no mundo pulgas como estas, porque são: "As minhas Pulgas".

domingo, 11 de junho de 2017

Não roubei só surrupiei....oh diacho... gamei, prontus

Adoro figos (e bêberas e tabaibos e goliabas e pitangas...)
E por gostar tanto de figos ( e bêberas e voiabas e tabaibos) e por serem caros (8 euros), não resisti a roubar. Dizem que a ocasião faz o ladrão. Nada mais verdadeiro.
                                            
Passava eu debaixo de uma figueira quando olhei e vi aqueles malvados cheios de mel no bico. A escorrer.
Pensei: "Ai se era de noite!"
Mas eu sou uma mulher que quando se lhe mete algo na cabeça é o inferno.
Deixei anoitecer e...
Voltei à figueira.
Mas o que me sobrava em coragem para roubar, faltava-me em estatura.
Estavam altos, demasiados altos para o meu comprimento, por mais que me esticasse.
E como me estiquei!! Pus-me em ponta de pés, fazendo inveja à Margot Fonteyn. Nem ela conseguiu tanto!!
                                          
Apanhei um. Apenas um. Vim triste com um figo na mão! Um?! Não dá nem pá cova d´um dente.
Mas isto não fica assim...
Não, que eu não deixo que esses melosos se riam de mim.
                                       
Por isso, deixo aqui um aviso, um alerta vermelho: afastem as figueiras de mim. Tapem-nas. Com rede verde, se possível. A primeira que eu veja,  vou-me a ela. Ataco. E se não a vir vou pelo cheiro.
Estou disposta a roubar. Mas pagar oito euros por um quilo de figos, não. Jamé!!!

25 comentários:

  1. Pena que eu não tenha uma figueira. Como não gosto de figos podia convidá-la a vir comê-los. No Algarve, há figueiras por todo o lado. No tempo deles as pessoas passam e apanham-nos sem vergonha. Engraçado, o ano passado, estava num parque com algumas figueiras à beira da estrada, quem vem de Ponta da Piedade para a cidade, um pouco antes de entrar na muralha. Veio um senhor com duas jovens e apanharam dois ou três figos maduros que estavam à altura de lhe chegar. Depois uma das jovens chamou-lhe a atenção para vários maduros que estavam a grande altura. Vai daí o homem diz:
    Mas não vão ficar a rir-se.. Vou a casa buscar um escadote. Menos de dez minutos depois ele chegou com um escadote e uma pequena alcofa e limpou a figueira. Em pleno dia, junto à estrada, numa zona bem concorrida.
    Um abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu adoro, Elvira. Vai daí faço ou melhor sujeito-me a estas cenas para roubar
      Kis:=}

      Eliminar
  2. Lol :)
    Eu adoro figos! Mas comprava-os, mesmo a 8 euros... o quilo do chocolate ainda é mais caro.
    E comia-os em paz e sossego!

    ResponderEliminar
  3. Verdes estão os figos,
    deixa-os lá amadurecer
    castanhos são bonitos
    os teus olhos quero ver!

    ResponderEliminar
  4. AvoGi, não sejas forreta,
    lá aonde os tens escondidos
    tira os euros da carteira
    e compra um quilo de figos!

    ResponderEliminar
  5. "Roubo" muito por esses quintais afora!
    Os meus figos relâmpagos ainda não deram um ar do seu sabor!
    Bj

    ResponderEliminar
  6. Os figos estão com excelente aspecto. Andaste à chinchada, foi o que foi !

    ResponderEliminar
  7. Esses da foto não parecem lá muito maduros, Mana...estão??

    Então quando os namoraste, à luz do dia, não viste que estavam altos?
    Quando lá voltaste, ao anoitecer - que é quando se devem roubar figos - levavas um banquinho.
    Sempre pensei que fosses uma mulher mais prevenida, Mana!!! Ehehehehe

    Beijocas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mana...tive lá tempo de tirar uma foto? Ou bem roubar ou bem fotografar...
      Deixei escurecer..e alguém mais alto um bocadinho fez o obséquio...
      Mana...eu sou ladrona de figos e dióspiros
      Kis :=}

      Eliminar
  8. :)) talvez dê para trocar os figos por uns sorrisos? :)

    ResponderEliminar
  9. Prima, um roubo é serem a oito euros ! :)
    Como sabes estou a fazer uma pausa nos blogues, mas passei aqui para te desejar uma boa semana.

    Beijinho e por mim podes roubar o que quiseres que eu não conto nada a ninguém :)

    ResponderEliminar
  10. 8€ é que é um roubo! Há refeições (com tudo incluído) que ficam muito mais baratas :o

    ResponderEliminar
  11. Já?? Figueira de Mamãe está de greve este ano... :(

    ResponderEliminar
  12. Quere-se dizer
    inverteu-se o ditado
    "Vão mas´é roubar p´ra estrada"
    Com figos a 8 euros
    Quem rouba é quem não quer ser roubada

    Roube, roube, que seu roubar tem graça

    ResponderEliminar
  13. 8 aéreos é mesmo uma robalhera
    mas numa cadera
    seria mais simples...Hé hé hé hé ~_´´´´


    Beijinhos e bom e feliz dia.

    ResponderEliminar
  14. Até já me faz lembra a minha mãe, que adoro figos!

    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  15. Também adoro figos! O preço do quilo é mesmo um "roubo". Se passar por alguma figueira, quem sabe faço o mesmo :D

    Beijinho grande e boa semana <3
    http://demantanosofa.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  16. Ahahaha, se estivéssemos mais perto teria todo o prazer em partilhar os figos =)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  17. Também gosto muito de figos. E se tivesse uma figueira por perto...
    Uma boa semana.
    Um beijo.

    ResponderEliminar
  18. Tem de passar no quintal da minha mãe..não fica longe de Tarouca. Aí, enchia a barriga deles. E que bons que são.

    ResponderEliminar
  19. Adoro figos!...
    Mas nem aqui, nos supermercados das redondezas, os vi ainda... nem a 8... nem a 80...
    Bjs
    Ana

    ResponderEliminar
  20. Gosto muito de figos. Hoje vi-os no mercado a 5€. Não resisti.
    Bjs.

    ResponderEliminar

Como? O que disse?
Não ouvi nada.
É melhor escrever...