Pulgas, Pulgas, Pulgas. Para qualquer lado que me vire encontro sempre uma. É à frente, é atrás, é em todo o lado, mas no colo é onde poisam. Perseguem-me. Fujo, escondo-me, mas encontram-me. São pequeninas e saltitam muito, dificilmente as agarro porque não param um minuto. Não há no mundo pulgas como estas, porque são: "As minhas Pulgas".

quinta-feira, 22 de junho de 2017

Tenho de falar com ela mais vezes. Ela levanta-me o ego

As avós de agora são as raparigas do meu tempo de menina e de escola. Não nos encontrámos como mães mas reencontramo-nos como avós. Olho para as minhas amigas e vejo o quanto estamos fofinhas, redondas, rugosas, esbranquiçadas ou com tinta castanha, preta e as mais extravagantes de vermelho, mas felizes claro, a correr atrás dos netos.

Ora estava eu a "meter na jaca" (o mesmo que enfardar/comer) e olho para uma - a mais redonda de todas - comendo do mesmo...não do mesmo mas igual ao que eu estava a comer e, em jeito de brincadeira, digo-lhe: "Hoje ninguém se pesa. Proibido. E não há-de fazer mal, não achas? É por eles."
- Ah, pois tu queixas-te! ? Tu podes comer de tudo que não engordas, estás magra; sempre te conheci assim, eu é que sou uma bola, sempre fui gorda.
- Ó rapariga tens falta de vista! Eu engordei 10 quilos.- digo-lhe.
- Engordaste o quê, onde é que está "essa gordura". E mirava-me de cima abaixo com ar de de que diz: "parva, depois de velha deu-lhe. Eu é que sou gorda. Vê-se que quer tirar-me o lugar! ".
Ora bem, ou ela tem falta de vista agora ou tinha na adolescência! É que engordei dez quilos que por mais que os esconda eles fazem questão de me lembrar que estão embutidos por este pedaço de corpo acima!

Depois disto, e como ela disse que não estou gorda (cegueta ela, caramba!) sabem o que fiz? Vinguei-me nas batatas fritas, por todas as vezes que me apeteceu devorar uma saca de quilo delas e não o fiz para não ganhar umas gramas. Sim, e também mostrar ao mê Gu-gu que sou mais rápida que ele na devoragem e, por isso, assentamos praça na mesa dos salgados.
Já agora vou ali buscar um saco daquelas de presunto...

Fotografia: Massaroco, planta endémica da região, no Pico do Areeiro.

11 comentários:

  1. Olá, a foto é linda, tem a magia do encantar, A Gi é adepta das dietas rigorosas depois do almoço e do jantar, continua elegante, é um exemplo para quem quer fazer dieta.
    Em todas as idades existe juventude, estou certo que a Gi não consegue correr os 100 M tão rápido como uma jovem de 20 anos, mas tem mais sabedoria, é mais tolerante, tem mais capacidade de analise e de solução e tem a beleza natural correspondente à idade, não se esqueça que o Toine tem 100 e sabe o que diz.

    Toine Marafade a vitima.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Palavras do Senhor.....Toine Marafade.
      Graças a Deus que alguém diz umas berdades da boca para fora...
      Tens toda ou quase toda a razão, só uma achega: eu vi sigo correr 99,99 metros tão rápido mas tão rápido que uma de vinte só me apanha a cortar a meta dos 100, porque conso-me ao fim de 99 metros.
      Aí Toine Toine, tu és único ....com 100 anos é uma cabeça de sabedoria só igualas o Soares e o Oliveira na idade...
      Kis :=}

      Eliminar
  2. Se os 10Kg estiverem bem distribuidos podem nem notar-se muito! =)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Manter-se na dieta pode ser um sofrimento. Não é nada fácil e mau para o moral quando alguém diz que não está gorda .Naquele momento ver umas batatas fritas num pratinho o desejo de devorá -las um grande desafio para se manter firme.Coragem Avogi .

    ResponderEliminar
  4. A idade por vezes altera o metabolusmo e não há nada a fazer!!! Bj

    ResponderEliminar
  5. Sobre peso nem discuto, sobre as flores parecem lavanda, so que gigantes...bjucas

    ResponderEliminar
  6. Podem não se notar, daí que ela não acredite :)

    ResponderEliminar
  7. Gorda? Gorda sou eu, que tenho 74 Kg. Desde os 16 anos, até aos 52, pesei sempre 47 Kg. Depois inverti os números e não há nada que me tire daqui. Nem a nutricionista o conseguiu. Há três anos meti na cabeça que tinha mesmo de emagrecer, Num mês emagreci 400 gramas, e apanhei uma bela de uma anemia.
    Abraço

    ResponderEliminar
  8. Aí ! Jasus, onde eu vim parar, batata frita a minha perdição, vamos a "meças" :)
    Avogi , faz parte do meu grupo das "falsas" magras ;), também engordei 10 Kg e dizem que só magra ;) devem cortar-me a parte do tronco lool que as pernas e cara até são magras .
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  9. Gordas ou magras é preciso é que nos sintamos bem mas por experiência, todas as mulheres se sentem mais gordas do que as outras, porque será? :)))

    ResponderEliminar
  10. Eu não escondo o meu peso! Mas já escondi a balança, há muito tempo... assim peso sempre o mesmo... :-D
    Espectáculo de foto!
    Bjs
    Ana

    ResponderEliminar

Como? O que disse?
Não ouvi nada.
É melhor escrever...