Há Bancos e bancos

Fui ao banco para fazer um levantamento, coisa que não fazia há anos...vai daí logo à entrada uma desinfecção, acho bem, depois sentada em frente à funcionaria pede-me o cartão de cidadão, cedi-lhe, mete os dados e começa a desenrolar a minha vida mesmo à minha frente. Casa, carro, crédito, seguros....e desata a falar falar e eu quase sem pachorra para a ouvir uma vez que ia com um propósito, fui deavalorizando o assunto de cada vez que falava. Seguro de vida, estou bem servida, crédito, idem, carro muito bem, casa ibidem e menina despache-me, faça a que lhe pedi que não tenho tempo para mudar nada, dê-me o dinheiro e pronto, caramba. Foi preciso mesmo dizer ao que vinha e deixar-se de vender produtos...

No fim, escreveu... escreveu e eu sempre tola ali sentada à espera que partisse uma unha na tecla até que diz: "vou ler a acta."

"A acta?" Perguntei, "mas fez uma acta porque razão?" Explicou que é politica do banco elaborar a acta da reunião com o cliente. Coisa fina, mas devia ter avisado antes de começar.

Só sei que ia para comprar batatas e quase que saía com uma cesta cheia de legumes e sem batatas. Parecia aqueles vendedores de time share....não descolava.

Fotografia: Pão e Bordado, ambos feitos por mim,

Comentários

  1. Há bancos e bancos
    Ah, pois há
    Há os corridos
    os de jardim, os de cozinha
    há os bancos de balcão
    e, por fim
    há os bancos que referes aqui

    Eu prefiro o colchão
    é mais fofo
    é mais seguro
    e dispensa acta

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também gosto desses bancos e não gosto destes bancos....
      E deu para referir à menina que de ia ter avisado que ia ser lavrada a acta...
      Ficou o reparo...
      Kisssss

      Eliminar
  2. E não tens um cartão de débito ?
    Mas esse Banco não foi o Santander, Giselda, pois não ?
    Muda de banco !

    Beijo.

    ResponderEliminar

Publicar um comentário

Como? O que disse?
Não ouvi nada.
É melhor escrever...

Mensagens populares